segunda-feira, 21 de janeiro de 2008

Abandono

"Eu te dou carona para onde quiseres, amor. É o mínimo que posso fazer em retribuição à benção de ser deixado sozinho."

2 comentários: